Pular para o conteúdo
« Voltar

Juiz decreta prisão preventiva de mulher de coronel da PM encontrado morto na Capital

23/05/2019 17:59
3949 visualizações
O juiz da Vara do Júri da Capital, Renato Mastella, manteve presa a mulher de um coronel da reserva da Polícia Militar de Santa Catarina encontrado morto em seu apartamento na quarta-feira (22/5). A mulher passou por audiência de custódia na tarde desta quinta-feira (23), no Fórum da Capital. A pedido do Ministério Público de Santa Catarina, representado pelo promotor de justiça Andrey Cunha Amorim, o magistrado converteu a prisão em flagrante em preventiva.
 
Durante a audiência, a mulher foi ouvida na presença de seu advogado, quando foi indagada pelo juiz se teve garantidos seus direitos no momento da prisão em flagrante pelos policiais. Ela respondeu que não teve nenhum problema e não fez nenhuma queixa nesse sentido, sendo em seguida encaminhada ao presídio feminino de Florianópolis. (Autos nº 0007619-05.2019.8.24.0023).
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)
Textos: Assessoria de Imprensa/NCI