Pular para o conteúdo

Jovens acusados de torturar e matar homem em Blumenau condenados em sessão do júri

06/12/2018 15:31
1189 visualizações
Três jovens com idades entre 19 e 24 anos, acusados de torturar um homem de 49 anos e depois executá-lo a tiros em um matagal no bairro Itoupava Central, onde o corpo foi encontrado, foram condenados nesta quarta-feira (5/12) à tarde em sessão do Tribunal do Júri da comarca de Blumenau.
 
O trio foi enquadrado na prática do crime  de homicídio duplamente qualificado - uso de recurso que dificultou a defesa da vítima e motivação torpe. Dois deles foram condenados a 12 anos de reclusão em regime inicialmente fechado. O terceiro foi condenado a 16 anos de reclusão, em razão de reincidência, também em regime inicialmente fechado.
 
Segundo denúncia do Ministério Público, o crime ocorreu entre os dias 21 e 23 de dezembro de 2017, em Blumenau, e teria sido motivado pelo fato do homem ter furtado dinheiro da mãe de um dos acusados. Em juízo, o jovem assumiu a autoria do crime e disse que a vítima ameaçou esfaquear sua mãe. Outro réu assumiu apenas ter agredido o homem, mas disse que não participou da execução. O terceiro negou participação no caso.
 
Um vídeo com a tortura física e psicológica da vítima foi encontrado em um celular apreendido pela polícia civil. O julgamento foi presidido pelo juiz Juliano Rafael Bogo, titular da 1ª Vara Criminal da comarca de Blumenau (Processo n. 0004337-38.2018.8.24.0008).
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)
Textos: Américo Wisbeck, Ângelo Medeiros, Daniela Pacheco Costa e Fabrício Severino