Pular para o conteúdo

Implantação do e-Social exigirá revisão de lotações de colaboradores do Judiciário

13/09/2018 18:59
2827 visualizações

A Diretoria de Gestão de Pessoas (DGP) e a Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI), por conta da necessidade de revisar e complementar as informações pessoais dos servidores, magistrados e demais colaboradores do Poder Judiciário em razão da implantação do e-Social, desenvolvem neste momento ferramenta específica para facilitar e otimizar o recadastramento, que será realizado até o final deste ano.

Oportunamente, aliás, serão enviadas orientações sobre como proceder. O e-Social, como já foi informado, entrará em vigor a partir de 2019. Neste momento, como medida inicial, a DGP solicitará às comarcas, por meio dos chefes de secretaria de foro, que providenciem a revisão e o ajuste das lotações dos servidores e colaboradores com o objetivo de refletir, no Sistema de Gestão de Pessoas, a real situação de cada unidade no tocante ao quadro de pessoal.

A medida, além do atendimento às exigências do e-Social, permitirá o fornecimento à Administração de informações gerenciais, capazes inclusive de serem utilizadas brevemente no projeto de Business Intelligence (BI).

Fotos: Arquivo/TJSC
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)
Textos: Américo Wisbeck, Ângelo Medeiros, Daniela Pacheco Costa e Fabrício Severino