Pular para o conteúdo
« Voltar

Aplicativo ConciliaApp, criado em São José, pode chegar às outras 110 comarcas de SC

11/02/2019 19:07
3409 visualizações

A juíza Lilian Telles de Sá Vieira, titular do Juizado Especial Criminal e de Combate à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher da comarca de São José, apresentou nesta tarde (11/2), em audiência com o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Rodrigo Collaço, projeto desenvolvido naquela unidade que se utiliza de ferramentas das redes sociais para prestar esclarecimentos e serviços a seus usuários - principalmente partes em processos - nas áreas da conciliação e violência contra a mulher.

Trata-se do aplicativo ConciliaApp, que disponibiliza através de blog conteúdos em vídeo e áudio com explicações sobre as características do atendimento prestado no Jecrim e também nos demais órgãos e instituições que interagem e se completam na formação da rede de proteção que abrange as cidades de São José e São Pedro de Alcântara, municípios que integram aquela comarca. A iniciativa chamou a atenção da desembargadora Janice Ubialli, coordenadora do Cojepemec, que resolveu apresentá-la ao Tribunal de Justiça, com indicativo de possível aproveitamento institucional no âmbito estadual.

O presidente do TJ gostou muito do que viu e adiantou disposição em fazer com que a experiência da comarca de São José possa vir a ser replicada nas demais comarcas catarinenses. Na mesma audiência, ainda no âmbito dos juizados especiais,  o major PM Joamir Rogério Campos apresentou estudos para aprimorar o atendimento a ocorrências que envolvem acidentes de trânsito sem vítimas mas com registros de danos materiais, que por via de regra são absorvidos pelos Jecrims. Em Santa Catarina, ao longo do ano passado, foram registrados mais de 63 mil acidentes de trânsito com essa característica. A discussão ainda será aprofundada para análise e adaptação dos cenários. O coronel PM Araújo Gomes, atual secretário de Segurança Pública e comandante-geral da Polícia Militar, acompanhou a audiência.  

Fotos: Nathália Cidral/Assessoria de Imprensa TJSC
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)
Textos: Américo Wisbeck, Ângelo Medeiros, Daniela Pacheco Costa e Fabrício Severino