Pular para o conteúdo

Homenagens marcam a última sessão do desembargador Cesar Abreu na 4ª Câmara Civil

08/03/2018 17:24
3156 visualizações
A 4ª Câmara Civil do TJ registrou nesta manhã (8/3) a última participação do desembargador Cesar Abreu antes de sua aposentadoria voluntária, aprovada na última sessão do Órgão Especial do TJ.  Na oportunidade o magistrado recebeu diversas homenagens, a começar pela prestada pelo desembargador Joel Dias Figueira, presidente do órgão julgador. 
 
Após cumprimentar as mulheres presentes pela passagem de seu dia, Joel passou a discorrer sobre o desembargador Abreu. "Figura ímpar, insubstituível, de perfil humanista, publicista, preocupado com os jurisdicionados", descreveu. A desembargadora Rosane Portella Wolff chamou atenção para a alegria de Cesar Abreu, "traço característico" do magistrado. A juíza de direito de 2º grau Hildemar Meneguzzi de Carvalho igualmente expressou a falta que Abreu vai provocar e ressaltou que os diversos aspectos da vida profissional e acadêmica que partilharam serão eternamente lembrados.
 
O procurador de Justiça Vânio Martins de Faria apresentou seus cumprimentos ao homenageado, com desejos de sucesso na próxima etapa que iniciará em breve. Em seguida, o desembargador Rodolfo Cezar Tridapalli fez uso da palavra para elogiar o magistrado, evidenciando sua verve humanista e seu "caráter único". Por fim, o desembargador aposentado Amaral e Silva, em nome da OAB/SC, usou a tribuna para destacar a sensibilidade com que Abreu profere seus julgamentos, sempre voltados para o bem. "É um juiz humano, sensível e bom", finalizou.
 
O desembargador Cesar Abreu, antes mesmo de agradecer as palavras dos colegas, lembrou o falecimento, ocorrido nesta quarta-feira (7), da senhora Norma de Borba, mãe do desembargador Jorge Luiz Borba, e apresentou seu pesar. Também cumprimentou as mulheres, segundo ele responsáveis pela transformação que se opera no Brasil. Por fim, garantiu estar muito feliz neste momento. 
 
Fotos: Alex Cavalcante/Assessoria de Imprensa TJSC
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)
Textos: Américo Wisbeck, Ângelo Medeiros, Daniela Pacheco Costa e Sandra de Araujo